| ENTRE VISTA | Morada Natural
2452
post-template-default,single,single-post,postid-2452,single-format-video,qode-social-login-1.1.2,qode-restaurant-1.1.1,stockholm-core-1.0.8,woocommerce-no-js,select-theme-ver-5.1.5,ajax_fade,page_not_loaded,vertical_menu_enabled,paspartu_enabled,menu-animation-underline,side_area_uncovered,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.2,vc_responsive

| ENTRE VISTA | Morada Natural

Em passagem pelo Sul de Minas no anos passado, recebemos um chamado universal intuitivo e ele nos proporcionou este encontro. Assim chegamos na Morada Natural Bioarquitetura e Agroecologia, guiados pelo coração, que tem suas próprias razões que muitas vezes a gente desconhece. Para nós, cada junção com a família é tão significativa e importante no que tange aprendizados, trocas e autoconhecimento, que não caberiam em palavras aqui. Os saberes que trocamos nos acompanham em cada espaço em que somos recebidos, e a vontade de somar a esta corrente de transformação que esta acontecendo acorda e dorme conosco todos os dias.

Compartilhamos com vocês como a permacultura se apresentou em nossa vida, sendo espelho das construções diárias (subjetivas ou não), das relações humanas e da natureza.

“…Essas vivências vieram como uma ferramenta muito importante para resgatar nossa natividade, para resgatar nosso contato com a ancestralidade. São pessoas ali convivendo, servindo de cobaia para o resgate da gente mesmo, do que a gente é. E a gente se olhando dentro desta convivência, a gente vai sendo espelho um do outro e como a gente não convive só entre seres humanos, a gente convive também com a natureza a gente começa a se ver espelhado nela!” – Marcelo Chini