Panc

PANCs – Plantas Alimentícias Não Convencionais e a Soberania Alimentar

No ano passado, recebemos um aprendizado fundamental para nossa autonomia alimentar. Após as parcerias com diversas comunidades e encontro com muitos grupos de resistência, fomos nos aproximando cada dia mais com o universo das PANCs.

As PANCS são plantas, de alto valor gastronômico e nutritivo, que são alimentos de diversos povos ao longo de gerações e gerações e hoje seguem fortes, apresentando uma excelente alternativa para uma alimentação orgânica. São encontrados em todos as regiões do Brasil, muitas vezes considerados ervas daninhas sem valor algum. Hoje elas seguem resistindo firme as monoculturas, a hegemonia das “alfaces americanas” e aos transgênicos envenenados.

Semanalmente colhemos nossos alimentos no ventre da mãe terra, no meio das matas desse país. E hoje podemos dizer que as Plantas Alimentícias Não Convencionais são a base de nossa alimentação viva diariamente.

Em passagem pelo Sítio Pau Dágua, a Mariana Camargo e Cristiano Borges nos presentearam com livro “(PANC) no Brasil: guia de identificação, aspectos nutricionais e receitas ilustradas. Kinupp, Valdely Ferreira, Harri Lorenzi. – Instituto Plantarum de Estudos da Flora, 2014”, participando intensamente da apresentação de novas PANCs. Somos eternamente gratos por isso, que influencia de maneira direta na nossa vida e na nossa pesquisa!
Gratidão mãe terra e a todos os seres que participam para nossa alimentação diária, gratidão a todas as comunidades que compartilharam seus saberes tradicionais de alimentação de modo tão generoso, gratidão aos grupos de agroecologia e permacultura que cruzamos em nossa jornada, gratidão Kinupp e Lorenzi, gratidão à Mariana e ao Cris por somar a nossa pesquisa!

Iremos neste espaço partilhar um pouco de nossa pesquisa e experiências com PANCs, também receitas e processos culinários que temos testado :)

Gratidão mãe terra e a todos os seres que participam para nossa alimentação diária, gratidão a todas as comunidades que compartilharam seus saberes tradicionais de alimentação de modo tão generoso, gratidão aos grupos de agroecologia e permacultura que cruzamos em nossa jornada, gratidão à Mariana e ao Cris por somar a nossa pesquisa!

Colheita do dia: Lírio do brejo, serralha, pixirica, folha de amora, folha e flores de malvisco, flor de hibisco, moranguinho silvestre, folha de dente de leão, flores do beijinho, limão e manjericão.

“Se cozinhar pode ser um ato revolucionário, experimente cozinhar com PANCs!”

Conheça as PANCs!